Como Fazer Geleia De Amora?

Quais os principais ingredientes da geleia?

Autoria: Página de perfil | Lista de publicações ” data-popover-autoria-id=”1018391-310956″>KROLOW, A.C.R. Resumo: A conservação de alimentos processados com qualidade e segurança, independentemente de ser artesanal ou industrial, está baseada em três fatores principais: qualidade da matériaprima, uso de tecnologia adequada e manipulação correta. Geleia, segundo a legislação brasileira, é um produto obtido pela concentração da polpa ou suco de fruta com quantidades adequadas de açúcar, pectina e ácido, até a concentração suficiente para que ocorra a geleificação durante o resfriamento. Quando são adicionados pedaços de frutas à geleia, este produto passa a chamar-se de ?geleiada?. Ainda segundo a legislação, as geleias são classificadas em dois tipos: Comum: é a geleia preparada com 40 partes de frutas frescas ou suco e 60 partes de açúcar. Extra: é aquela geleia preparada com 50 partes de frutas frescas ou suco e 50 partes de açúcar. O preparo de geleias e doces, em geral, é uma das formas de conservação de frutas, pois são trabalhados, além do uso do calor, também o aumento da concentração de açúcar, com alteração da pressão osmótica e, com isso, aumentando o tempo de vida útil do produto. Somente os cuidados com a fabricação de geleias, sob o ponto de vista tecnológico, não são o suficiente para manter a inocuidade do produto. Atenção especial também deve ser dada à manipulação de alimentos, pois essa pode se tornar um problema de saúde pública, havendo sérias consequências para o consumidor. Infringir regras básicas de higiene leva à contaminação dos alimentos e, consequentemente, sérios riscos à saúde. Portanto, conhecer e seguir essas regras é dever de todo o manipulador consciente. Ano de publicação: 2013

O que fazer para tirar acidez da geleia de amora?

Quando adicionamos Bicarbonato ele neutraliza a. acidez da sua geleia, comprometendo seriamente seu. poder de conservação e ainda reduz o seu sabor.

O que colocar na geleia para dar consistência?

A pectina nada mais é do que um gelificante, que serve para deixar a receita mais consistente e parecida com a de gelatina. Se você preferir essa consistência (semelhante à das geleias industrializadas) você pode procurar por esse produto em lojas especializadas em confeitaria.

Como é feita a geleia?

A geleia é obtida pelo cozimento, em água, de frutas inteiras ou em pedaços, obtendo-se um suco por meio da filtração. Ao suco filtrado adiciona-se açúcar e deixa-se concentrar até que alcance uma consistência gelatinosa.

Qual a proporção de açúcar para fazer geleia?

Guia da geleia caseira

Geleia (Foto: Alexandre Schneider / livro Básico – Enciclopédia de Receitas do Brasil) Talvez você tenha aderido à prática de fazer pão em casa durante a quarentena — um movimento que ganhou até apelido: “pãodemia”. Agora, que tal preparar a própria geleia para acompanhar seu pão? Na verdade, mesmo se você não faz pão nenhum, aprender a cozinhar geleia caseira é uma boa pedida.

E pode surpreender pela simplicidade. Para ajudar na tarefa, conversamos com especialistas e selecionamos duas receitas. Mas uma das coisas legais da geleia é que, quando pega o jeito, você consegue improvisar com os ingredientes que quiser. “Geleia nada mais é do que uma conserva de frutas”, diz a confeiteira Adriana Lira, da marca Dona Doceira.

“A produção não tem muito mistério: é fruta cozida com açúcar em temperatura de média a alta até dar o ponto. O que difere é o nível de pectina (agente natural que dá a textura de geleia) que você vai encontrar em cada fruta e que pode acelerar ou fazer o processo ficar mais lento.” A seguir, vamos falar mais sobre cada um dos elementos dessa equação.

  • Mas, calma, não é matemática avançada.
  • Leia também Chef ensina a fazer bisnaguinha em casa Como fazer queijo em casa Receitas veganas: aprenda a fazer biscoito e pão para a hora do café A fruta Adriana recomenda usar frutas maduras e frescas.
  • Também dá para fazer com congeladas, ontem mesmo fiz de com amoras desse jeito”, diz.

“Mas a base de uma boa geleia são ingredientes de boa qualidade, e fruta fresca confere uma aparência e um sabor diferentes.” Já Thiago Henrique, da Mermeleia, conta que a marca prefere trabalhar com frutas mais para verdes (não totalmente verdes), por apresentarem menos líquido e mais pectina, e para que o resultado final não seja tão doce.

  • Quando uso o açúcar na fruta mais verde, potencializo o sabor da fruta.” Que fruta? Dá para soltar a imaginação.
  • E dá para aproveitar os produtos da estação.
  • Max Jaques, chef pesquisador Instituto Brasil a Gosto, sugere sapoti e tamarindo, que acompanham bem pratos salgados com peixe e carne vermelha, respectivamente.

“E também manga, porque está na época, é de fácil acesso em todo o Brasil e pode ser combinada com outras frutas, como o maracujá.” A pectina “Quase todas as frutas têm essa gominha natural que dá a liga da geleia, mas em concentração maior ou menor”, diz Adriana.

  • Exemplos de alta pectina são maçãs, acerolas, laranjas, limões, mexericas.
  • De média pectina, amoras, framboesas, ameixas, damascos, manga, goiaba.
  • De baixa, figos, morangos, pêras e cerejas.
  • Caso a concentração seja baixa, é possível adicionar pectina, comprada no mercado ou preparada em casa com maçã.

Para isso, pique em pedaços pequenos um quilo de maçã sem casca, do tipo mais azedinho (o ácido ajuda na produção da pectina); cubra com água e cozinhe por 20 a 30 minutos; filtre em um pano fino; volte o suco para o fogo e deixe reduzir pela metade até ficar bem concentrado.

  1. Conserve em geladeira ou congelado e junte 80ml por quilo de fruta ao fazer a geleia.
  2. O açúcar Receitas antigas pediam praticamente a mesma quantidade de fruta e de açúcar.
  3. Mas eu tento fazer uma proporção de 30% a 40% de açúcar em relação ao peso da fruta”, diz Adriana.
  4. Ou seja, para um 1 quilo de fruta, 300, 400 gramas de açúcar.
You might be interested:  Como Fazer Torta De Limão?

“O açúcar vem não só como principal conservante, mas para dar maciez, brilho, cor”, diz Thiago. “O açúcar cristal é o que melhor se dilui em líquido. Dá para usar também demerara ou mascavo, mas isso inibe um pouco a cor do produto.” O ponto A geleia está pronta quando a geleia chegar a 105ºC.

  • Caso você não tenha termômetro, há outras maneiras de testa.
  • Adriana indica algumas a seguir.
  • Teste da borbulha: se há muitas bolhas pequenas, ainda não está pronto; o ponto é quando elas diminuem em quantidade, mas ficam maiores.
  • Teste do pires: coloque um pratinho no freezer.
  • Quando achar que a geleia está pronta, despeje um pouco dela no pires gelado e dê uma viradinha: se ela enrugar, é porque está no ponto.

– Teste do pingo: pegue um pouco da geleia com uma colher e jogue em outro recipiente — se cair em pingos, não está legal, mas, se cair em bloco, é um indicativo de que está no ponto. O armazenamento Você pode simplesmente guardar sua geleia na geladeira e consumir logo.

Mas existem procedimentos para que ela dure mais tempo. Para isso, quando está começando o processo da produção, já deixe pronto e higienizado o recipiente que vai receber a geleia: “Eu deixo o pote de vidro em água fervente 15 minutos, depois ainda passo álcool 70%”, diz Adriana. O ideal é envasar a conserva quente, a pelo menos 80ºC (ou seja, pouco depois de terminar o cozimento a 105ºC).

Logo em seguida o pote deve ser tampado e levado ao banho-maria por 10 a 15 minutos para ganhar vácuo. Se adotados todos os cuidados, o pote de geleia ainda vedado pode ser guardado em local seco, sem necessidade de refrigeração. O tempo de validade depende da quantidade de açúcar da receita — os da Dona Doceira duram em média três meses.

  • As receitas
  • Geleia de abacaxi com sauvignon blanc (Receita da marca Mermeleia)
  • Ingredientes 1380 g de abacaxi cortado em cubos sem cascaSuco de 2 limões400 g de açúcar demerara140 ml de vinho sauvignon blanc
  • 12 g de pectina

Modo de preparo Corte o abacaxi em cubos pequenos e coloque na panela ainda fria. Adicione o suco de limão. Espere ferver em temperatura baixa durante 30 minutos para o processo de cocção da fruta. Após a cocção da fruta, adicione o açúcar. Adicione o vinho sauvignon blanc.

  1. Geleia de jabuticaba (Receita da chef Ana Luiza Trajano, do Instituto Brasil a Gosto, publicada no livro Básico – Enciclopédia de Receitas do Brasil)
  2. Ingredientes 1 kg de jabuticabas frescas
  3. 500 g de açúcar

Modo de preparo Esprema as jabuticabas em uma peneira, reservando as cascas, e aperte bem os caroços antes de descartá-los para obter o máximo de polpa possível. Leve esse sumo ao fogo com o açúcar, 2 xícaras (chá) de água e metade das cascas de jabuticaba.

Qual a melhor geleia do mundo?

Geleia mineira é destaque em Prêmio Mundial na Inglaterra A geleia de laranja suave com especiarias foi premiada na Inglaterra (foto: Angelo Ávila- Expressar Gourmet/Divulgação ) Uma geleia produzida em Belo Horizonte recebeu um título no Prêmio Mundial de Geleias Artesanais que ocorre em Penrith, Cumbria, no norte da Inglaterra,

O sabor laranja suave com especiarias, criado pela Expressar Gourmet, está entre os melhores produtos do mundo. Esta geleia possui um sabor suave e uma harmonização versátil com diversos pratos. Os juízes se impressionaram com a aparência, cor, consistência, aroma e sabor do produto. Os ingleses são grandes apreciadores desta iguaria, tornando essa conquista ainda mais especial.

Apesar da pandemia e de vários bloqueios no Reino Unido, a premiação Marmalade Awards recebeu um número recorde de inscrições este ano. Foram mais de três mil potes de 30 países do mundo, incluindo Brasil, Japão, Canadá, Austrália, Kuwait e República Dominicana.

A premiação para pequenos produtores, o Artisan Awards, é composta por um júri de especialistas. “Sempre tivemos muito orgulho em defender produtores artesanais de qualidade e, este ano, foi mais importante do que nunca. As pequenas empresas foram atingidas de forma muito dura pela pandemia, mas acho que fez as pessoas perceberem como a comida local é boa e vital, e espero que a Expressar Gourmet tenha um grande sucesso com sua geleia em sua região e em muitos outros lugares.

A qualidade da geleia artesanal nunca foi tão alta e estou muito orgulhosa de nossos vencedores do prêmio este ano”, disse a fundadora do prêmio, Jane Hasell-McCosh. Em razão das constantes restrições impostas pelo lockdown no Reino Unido, os prêmios não foram anunciados em março, como de costume.

Os vencedores só puderam ser premiados durante a feira anual de plantas na Dalemain Mansion, em junho. “Estamos muito satisfeitos por ter ganhado este prêmio em uma competição tão forte de todo o mundo. Fazemos nossa geleia há três anos e sempre pensamos que é uma das melhores que já provamos, e esse prêmio comprova isso”, diz a produtora de geleia artesanal, Alynne de Oliveira.

O sabor vencedor, de laranja com especiarias, pode ser comprado e em empórios e casas de carne em vários estados, além de Minas Gerais. Bruno Bethônico e Alynne de Oliveira são os sócios da Expressar Gourmet. Ele é formado em comunicação e ela é professora de geografia.

  1. Em 2018, uma amiga, dona de um restaurante há 40 anos em BH, contratou Bruno para fazer a identidade visual da casa.
  2. Durante as conversas, ele contou que fazia geleias para consumo próprio, com receitas herdadas de sua mãe e avó.
  3. Comentou também sobre uma receita especial de catchup italiano a base de pimentão vermelho e uma geleia de manga com curry.

“Pode fazer e me mandar”, disse a amiga de Bruno. Os produtos se tornaram sucesso de vendas e esgotaram em poucos dias. Os clientes acabaram pedindo mais. Em poucas semanas, eles foram convidados para a Feira Experimente, e a partir daí não pararam mais.

Foram vários eventos, feiras, e a procura pelos produtos foi surpreendente. A criação da geleia de laranja suave foi uma demanda de consumidores que queriam uma harmonização perfeita para o tradicional queijo minas, Depois de muitos pedidos, os sócios decidiram criar esse sabor exclusivo que agora é coroado com a premiação mundial.

Com o crescimento das vendas, o casal decidiu montar um plano de negócios e procurar um investidor para viabilizar o projeto. O sócio e parceiro, Angelo Costa, se juntou aos dois. Angelo Costa, Bruno Behtônico e Alynne de Oliveira (foto: Angelo Ávila- Expressar Gourmet/Divulgação ) Os três têm planos de expansão da marca, com a construção de uma planta para a produção dos produtos e o ingresso em grandes redes de varejo. *Estagiária sob supervisão do subeditor João Renato Faria : Geleia mineira é destaque em Prêmio Mundial na Inglaterra

Para que serve o limão na geleia?

O uso do suco de limão na receita de geleia caseira também serve para evitar que o açúcar cristalize. Quando isso acontece, a receita fica com uma textura granulosa e desagradável. O suco de limão, nesse caso, age para que a textura da geleia fique lisa e homogênea.

You might be interested:  Como Fazer Ganache De Chocolate?

Para que serve o vinagre na geleia?

Deixa o cabelo macio, hidratado e definido.

Porque a geleia de amora fica amarga?

Como não deixar que a geleia de amora amargue? – A amora é uma fruta com gosto levemente azedo, principalmente quando não colhida completamente madura. Portanto, para evitar que a geleia de amora fique amarga, só use amoras bem maduras na receita, Que é quando elas estão com uma cor bem escura.

Qual é o ponto ideal da geleia?

A geléia está pronta quando escorrer em forma de flocos ou lâminas. Este é o método mais indicado para determinar o ponto final de cocção. A determinaçao é feita através do refratômetro, sendo que o teor de sólidos solúveis no ponto final deve estar ao redor de 68%.

O que pode substituir a pectina na geleia?

Alguns substitutos para a pectina são: o ágar, a gelatina sem sabor, a araruta em pó e até mesmo a tapioca.

Por que tem que tirar a espuma da geleia?

Porque tem que tirar a espuma da geleia? A espuma que se forma na superfície da geleia durante o cozimento é composta, basicamente, por proteínas, fibras e impurezas da fruta. Embora pareça inofensiva, ela pode alterar a textura do doce e fazer com que ele endureça à medida que esfria.

Para que serve o açúcar na geleia?

Além de ser conservante, o açúcar dá forma, maciez e rendimento à geleia. O mais utilizado é o de sacarose de cana. Quando a sacarose é colocada em meio ácido, ela se transforma em glicose e frutose. Isso evita a cristalização da geleia.

Como fazer a geleia durar mais tempo?

Como fazer a geleia durar mais? – O truque para fazer a geleia durar mais tempo deve ser feito no momento do armazenamento. Ao colocar a geleia em um pote esterilizado, deixe um dedo abaixo do limite. Após o envase, tampe o pote e vire-o para baixo com o conteúdo ainda quente para criar o vácuo.

Qual a validade de uma geleia artesanal?

Geleia de morango

  • 450 g de morango
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • caldo de ½ limão
  1. Lave bem os morangos sob água corrente, retire as folhas e transfira para uma tigela. Cubra com água e deixe de molho por 10 minutos. Em seguida, retire os morangos em vez de escorrer a água – assim as “sujeirinhas” ficam no fundo da tigela.
  2. Numa panela média, coloque os morangos, o caldo de limão e o açúcar. Leve ao fogo baixo e deixe cozinhar por cerca de 30 minutos, mexendo de vez em quando, até formar uma calda grossa e os morangos ficarem bem macios.
  3. Com uma concha, transfira a geleia ainda quente para um pote de vidro esterilizado, deixando cerca de 2 cm até a tampa livre. Feche o potes com a geleia quente para formar vácuo.

Obs: Veja como, Você pode conservar a geleia pronta por até 2 meses, fechada a vácuo, em temperatura ambiente; por até 6 meses no congelador e após aberta por até 1 mês na geladeira.

Editora Panelinha LTDA. © 2000 : Geleia de morango

Qual o melhor açúcar para geleia?

Dicas importantes – 1) As frutas devem estar maduras, mas ainda firmes. Frutas verdes resultam em geleias muito ácidas e as já passadas resultam em geleias que podem açucarar em poucos dias.2) O açúcar ideal para o preparo de geleias é o cristal, pois demora mais para se dissolver durante o cozimento.

Caso tenha disponível somente o refinado, não tem problema, mas lembre-se de usar o fogo mais baixo ainda.3) Em relação à proporção, assim que o ponto desejado for atingido, não adicione mais açúcar.4) Utilize suco de um limão para regular o PH, ele vai ajudar a trazer a consistência de gel. A proporção correta é: para cada quilo de fruta utilizado, 50 mL de suco de limão.5) Escolha as panelas de fundo grosso e que o alimento não grude.

Antigamente, se acreditava que as geleias só poderiam ser feitas em tachos de cobre. Isso porque o cobre garante um calor bem distribuído, que dissolve o açúcar de forma mais uniforme e na velocidade ideal. + Leia também: + Leia também:

Por que adicionar açúcar em 2 etapas no preparo da geleia?

A quantidade de pectina depende muito da qualidade da pectina. Geralmente 1% é suficiente para produzir uma geléia firme. A adição de açúcar afeta o equilíbrio pectina/água, desestabilizando conglomerados de pectina e formando uma rede de fibras, que compõe o gel, cuja estrutura é capaz de suportar líquidos.

Porque a geleia não precisa ser guardada na geladeira?

As geleias devem sempre ser armazenadas na geladeira depois de abertas. Por serem naturalmente ácidas, deixar os potes em temperatura ambiente favorece o crescimento de fungos e leveduras. Para evitar que isso aconteça, o ideal é sempre armazenar a geleia no refrigerador, principalmente se for um preparo caseiro.

Qual a melhor geleia 100% fruta?

Top 10 Melhores Geleias de Morango

Produtos Destaque
1 QUEENSBERRY Geleia de Morango Queensberry A Melhor Geleia de Morango Clássica
2 CASA MADEIRA Geleia Orgânica de Morango com Pedaços Para uma Alimentação Mais Saudável e Natural
3 BONNE MAMAN Geleia Bonne Maman Sabor Morango A Geleia com Gostinho Caseiro

Qual geleia é 100% fruta?

Detalhes – A geleia de frutas vermelhas Queensberry 100% Fruta é ideal para quem busca viver com mais prazer e saúde. Em sua composição contem apenas 3 ingredientes, adoçada com suco de maçã, sem adição de açúcar. Usa a imaginação e prove com: ° Torradas com requeijão ou manteiga; ° Acompanhamento para queijos; ° Pães, sanduiches e pratos variados; ° Pães, sanduiches e pratos variados; ° Com frutas ou iogurtes de sua preferência.

TABELA NUTRICIONAL
Não contém quantidade significativa de proteínas, gorduras totais, gorduras saturadas, gorduras trans, fibra alimentar e sódio. *% Valores Diários de referência com base em uma dieta de 2.000 kcal ou 8.400 kJ. Seus valores díários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas
Quantidade por Porção Porção de 20g (1 Colher de Sopa) %VD (*)
Valor Energético 36 kcal=152kJ 1%
Carboidratos 9g 3%

Qual é a geleia mais saudável?

Você é do tipo “formiga”, que adora uma geleia ou pasta doce para passar no pão, misturar no iogurte natural, preparar uma receita ou comer de colher? Então, vamos ajudar você a escolher as opções mais saudáveis desses produtos. Convidamos três nutricionistas para avaliar várias marcas presentes no mercado.

Os itens foram divididos em seis categorias: geleia com açúcar, geleia 100% fruta, geleia orgânica, creme de avelã, creme de avelã diet e pasta de amendoim com outros ingredientes. Para identificar os principais produtos disponíveis nas prateleiras, a equipe do VivaBem fez uma busca nas lojas físicas e virtuais de redes de supermercados e marketplaces.

Também consultamos o site das marcas e, em alguns casos, a própria embalagem do produto para obter as informações nutricionais. Ao todo, reunimos 95 marcas. Encaminhamos às especialistas do júri apenas a lista de ingredientes e a tabela nutricional de cada produto.

  1. Portanto, elas fizeram uma “avaliação cega”, baseada em critérios totalmente técnicos (composição e valor nutricional), sem saber quais marcas apontaram como as melhores em cada categoria.
  2. Vale ressaltar que produtos com características iguais ou semelhantes às dos “vencedores” podem ter ficado de fora de nossos pódios, o que não significa que são ruins ?longe disso, eles podem ser tão bons quanto os escolhidos.

O mais importante é que, a partir dos critérios usados em nossa seleção, você compreenda as principais características de um bom produto e consiga fazer sempre a melhor escolha entre as opções que encontrar na hora da compra, observando a tabela nutricional e a lista de ingredientes.

O sabor morango foi escolhido por ser um dos mais consumidos, mas o resultado do nosso ranking se replica para outros sabores. Ou seja, a marca que tem uma boa geleia de morango também tem uma boa geleia de uva, de frutas vermelhas, de damasco etc., já que os critérios de produção costumam ser os mesmos.

Entre as geleias tradicionais mais saudáveis estão aquelas que não contêm conservantes e outros aditivos químicos e contam com uma lista de ingredientes enxuta, com substâncias naturais. Lembrando que nessa categoria os produtos sempre têm açúcar, que deve ser consumido com moderação.

A primeira colocada foi a Geleia de Morango Companhia das Ervas, que traz apenas morango e açúcar na composição e apresenta o menor teor de calorias entre as três. No segundo lugar ficou a Confiture Extra Fraises Casino, que tem a vantagem de ser preparada com açúcar mascavo —que não passa pelo processo químico de branqueamento e, por isso, preserva alguns nutrientes.

Por outro lado, a marca perdeu para a primeira colocada por possuir aditivos, mesmo sendo naturais: a pectina (fibra retirada de frutas para dar mais corpo à geleia) e o ácido cítrico, que atua como conservante. A marca Queensberry Classic também tem uma boa lista de ingredientes e aditivos naturais. Considerada pelas nutricionistas a opção mais saudável, por não trazer aditivos químicos, açúcares nem adoçantes, a geleia 100% fruta é adoçada com a própria fruta —às vezes, é usada também uma outra fruta que não a do sabor do produto, como a maçã. Mesmo assim, vale checar ainda se a marca inclui conservantes.

Quanto menos ingredientes, melhor! Como os três selecionados do ranking possuem o mesmo número de itens na lista de ingredientes —todos naturais e sem conservantes—, restou diferenciá-los pela tabela nutricional. A Geleia de Morango com Cranberry 100% Fruta Homemade foi eleita a primeira colocada por ser menos calórica e apresentar menor quantidade de carboidratos entre as três.

GELEIA DE AMORA SIMPLES E FÁCIL | Receita

Em seguida, ficou a Geleia de Morango 100% Fruta Queensberry Wellness. E, na terceira posição, a Geleia de Morango 100% Fruta St Dalfour, que apresenta um pouco mais de calorias entre as três.

    Qual a principal Matéria-prima utilizada na produção de geleia?

    O açúcar empregado com maior freqüência na fabricação de geléias no Brasil é a sacarose de cana-de-açúcar.

    Qual é a matéria prima de geleia?

    Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Geografia. A geléia possui como matéria prima frutas. Já a matéria prima da cera varia com seu tipo, pondendo ser petróleo (para as derivadas de petróleo – parafina) ou a matéria prima vegetal e animal (para as ceras derivadas de vegetais e animais).

    Como é feita a geleia industrializada?

    Geleia de mocotó é saudável? Especialistas esclarecem 08 de Agosto, 2019 Alimento com gostinho de infância, a geleia de mocotó era muito consumida por sua promessa de ser rica em nutrientes e vitaminas benéficas para o corpo. Porém, muitos especialistas torcem o nariz para esse tipo de produto. Isso pelo fato de ele ter muito, corantes e aromatizantes, além de outros ingredientes artificiais que podem desencadear alergias e irritações no estômago, entre outros problemas.

    Muitos vão em busca dessa geleia pela promessa de, assim como a, ser uma fonte de colágeno. Mas, profissionais de saúde garantem que o ingrediente se perde durante sua produção. “No final do processo a quantidade de colágeno presente neste produto é muito pequena”, informa a nutricionista Anália Barhouch, Mestre e Doutora em Obesidade pela Faculdade Medicina da PUC-RS.

    ⠀ “A geleia de mocotó industrializada vendida em mercados e empórios é feita a partir de ossos, peles e tendões de bois e porcos que são triturados e tratados com produtos químicos. Essa mistura é fervida para liberar o colágeno, para dar origem à gelatina.

    A partir da gelatina é feita a geleia de mocotó, acrescida de água, açúcar, espessante, corante caramelo, regulador de acidez bicarbonato de sódio e aromatizante”, detalha a nutricionista. Segundo Anália, o segundo ingrediente listado no rótulo do produto é açúcar, ou seja, ele é rico nesse carboidrato.

    Já os corantes e flavorizantes, utilizados para deixar a geleia colorida e com sabor de frutas, são substâncias tóxicas muito fortes. Para que possam ser processadas pelo nosso organismo, e depois eliminadas, o fígado precisa fazer muito trabalho. Ela ainda tem três vezes mais calorias do que uma lata de Coca-Cola ou qualquer outro refrigerante normal.

    • Uma embalagem de 200 g tem, em média, 260 calorias.
    • Mesmo a versão zero açúcar contém conservantes e substâncias artificiais que influenciará de forma negativa o funcionamento do organismo”, entrega a especialista.
    • Estes adoçantes geram respostas intestinais que acabam contribuindo para o aumento do tecido adiposo, ou seja, aumento de gordura.

    : Geleia de mocotó é saudável? Especialistas esclarecem

    O que é uma geleia artesanal?

    Como é o processo de produção de geleias artesanais? – O processo de fabricação das geleias precisa seguir as regras da Anvisa e boas práticas para a produção. São elas:

    ela deve ser preparada sempre com frutas sadias e de boa qualidade; a higienização das frutas precisa ser bem-feita; não é possível que haja substâncias estranhas na composição, que não estejam ligadas diretamente com a produção de geleias; deverão ser utilizados, para a sua fabricação, glicose ou açúcar invertido; não haverá pedúnculo e cascas; é possível conter fragmentos de frutas; pode-se acrescentar acidulantes e pectina para regular a acidez da fruta. Contudo, se o produto levar acidulantes, já não pode mais ser caracterizado como artesanal; normalmente, devem ser compostas de frutas, pectina, acidulantes, açúcar e água; as frutas utilizadas são, normalmente, maduras.

    Elas podem ser classificadas, segundo as diretrizes da legislação vigente, em:

    comum: proporção de 40 partes de fruta fresca para 60 partes de açúcar; extra: proporção de 50 partes de fruta fresca para 50 partes de açúcar.

    Sendo assim, as geleias artesanais são feitas com produtos naturais, evitando a adoção de elementos que possam tornar o sabor do item mais industrializado ou comprometer a qualidade para a realização de uma produção em larga escala.